Reunindo ensaios de Kant, Derrida, Rosenfeld e Romano, este livro trata do problema da Paz Mundial e do Direito entre as nações, questões ancestrais do homem, tanto como seus conflitos. Todas as aparências indicam que o destino da Humanidade está vinculado ao belicismo. No entanto, na memória intelectual e afetiva da modernidade, brilha a razão que ensina o caminho da vida e do entendimento para os seres que partilham o pensamento, a ciência, as artes e as técnicas. No texto de Immanuel Kant sobre a Paz Perpétua, o escrito, cuja atualidade é ofuscante, permite refletir sobre a nossa condição de seres finitos e imperfeitos, mas aptos ao convívio. Sua leitura revela preciosas indicações para a travessia do labirinto guerreiro que define a nossa história. Sua mensagem foi renovada por muitos pensadores de hoje. Jacques Derrida mostra, em seu comentário atualizado da "Paz Perpétua", a enorme importância do projeto kantiano, mesmo em prismas pouco analisados pelos comentadores filosóficos, como o problema da dívida externa que retira de muitos países qualquer esperança de vida civil. Anatol Rosenfeld delineia feições essenciais dos enunciados kantianos, permitindo que os leitores sigam as teses levantadas por Kant com rigorosa segurança erudita. Como fecho, Roberto Romano, em seu “Ensaio para um Posfácio”, discute e pontua alguns dos mais relevantes problemas políticos mundiais da contemporaneidade à luz de conceitos centrais da filosofia kantiana.
--
ISBN: 9788527307024
Autor: J. Guinsburg (org.)
Páginas: 154
Tradutor: J. Guinsburg
Coleção: ELOS/EL.55
Ano de publicação: 2004
Peso: 0,13 kg
Dimensões: 18 x 11 x 0 cm
PAZ PERPÉTUA, A
R$34,90
Esgotado
PAZ PERPÉTUA, A R$34,90
Reunindo ensaios de Kant, Derrida, Rosenfeld e Romano, este livro trata do problema da Paz Mundial e do Direito entre as nações, questões ancestrais do homem, tanto como seus conflitos. Todas as aparências indicam que o destino da Humanidade está vinculado ao belicismo. No entanto, na memória intelectual e afetiva da modernidade, brilha a razão que ensina o caminho da vida e do entendimento para os seres que partilham o pensamento, a ciência, as artes e as técnicas. No texto de Immanuel Kant sobre a Paz Perpétua, o escrito, cuja atualidade é ofuscante, permite refletir sobre a nossa condição de seres finitos e imperfeitos, mas aptos ao convívio. Sua leitura revela preciosas indicações para a travessia do labirinto guerreiro que define a nossa história. Sua mensagem foi renovada por muitos pensadores de hoje. Jacques Derrida mostra, em seu comentário atualizado da "Paz Perpétua", a enorme importância do projeto kantiano, mesmo em prismas pouco analisados pelos comentadores filosóficos, como o problema da dívida externa que retira de muitos países qualquer esperança de vida civil. Anatol Rosenfeld delineia feições essenciais dos enunciados kantianos, permitindo que os leitores sigam as teses levantadas por Kant com rigorosa segurança erudita. Como fecho, Roberto Romano, em seu “Ensaio para um Posfácio”, discute e pontua alguns dos mais relevantes problemas políticos mundiais da contemporaneidade à luz de conceitos centrais da filosofia kantiana.
--
ISBN: 9788527307024
Autor: J. Guinsburg (org.)
Páginas: 154
Tradutor: J. Guinsburg
Coleção: ELOS/EL.55
Ano de publicação: 2004
Peso: 0,13 kg
Dimensões: 18 x 11 x 0 cm