Em "Crítica da Razão Teatral", Alessandra Vannucci realiza um oportuno e valioso trabalho de recuperação que nos devolve, senão a voz, pelo menos a escritura de uma participação que deixou marca sensível e fecunda no chamado período da “renovação” do teatro brasileiro e de sua modernização. Ruggero Jaccobi é um diretor, dramaturgo, professor, teórico e crítico italiano, que, no pós-Segunda Guerra Mundial, fixou-se por longo tempo no Brasil e, com sua atuação intelectual e artística, contribuiu decisivamente para o aggiornamento do debate e das realizações que caracterizaram aquele período transformador em nossa cena. Tendo como interlocutores os principais promotores deste processo estético, cênico, dramatúrgico e, na mesma medida, sociocultural, a inteligência e erudição, para não mencionar a extraordinária verve retórica, proporcionaram a esta presença, desde logo, um lugar à parte, de proeminência, nesse encontro fecundo, tumultuado e, por vezes, até caótico, de idéias, tendências, interpretações, realizações e desempenhos, que constituíram a messe, hoje histórica, do teatro do fim dos anos de 1940 até o fim dos anos de 1960. O melhor testemunho, e que abona plenamente essa inserção e se faz hoje o seu melhor garante, é justamente o conjunto de ensaios e artigos que se encontram reunidos e voltam a propor, ao lado de seu valor histórico de documentos de época, o largo espectro de suas implicações no terreno do pensamento e da feitura da arte do teatro no Brasil. Editando-o na coleção Estudos, cuja vocação teatral é reconhecida, a autora e a editora Perspectiva são movidas pelo desejo de pôr ao alcance do leitor, que almeje ter uma informação profunda e contemporânea do que foi a nossa vida teatral de então, um livro cuja atualidade é não apenas de uma lição como também de uma visão da cena dramática brasileira de há pouco, mas não menos de agora.
--
ISBN: 9788527307239
Autor: Alessandra Vannucci (org.)
Páginas: 336
Coleção: ESTUDOS/E.211
Ano de publicação: 2005
Peso: 0,39 kg
Dimensões: 22,5 x 12,5 x 0 cm
CRÍTICA DA RAZÃO TEATRAL
R$69,90
Quantidade
CRÍTICA DA RAZÃO TEATRAL R$69,90

Conheça nossas opções de frete


Em "Crítica da Razão Teatral", Alessandra Vannucci realiza um oportuno e valioso trabalho de recuperação que nos devolve, senão a voz, pelo menos a escritura de uma participação que deixou marca sensível e fecunda no chamado período da “renovação” do teatro brasileiro e de sua modernização. Ruggero Jaccobi é um diretor, dramaturgo, professor, teórico e crítico italiano, que, no pós-Segunda Guerra Mundial, fixou-se por longo tempo no Brasil e, com sua atuação intelectual e artística, contribuiu decisivamente para o aggiornamento do debate e das realizações que caracterizaram aquele período transformador em nossa cena. Tendo como interlocutores os principais promotores deste processo estético, cênico, dramatúrgico e, na mesma medida, sociocultural, a inteligência e erudição, para não mencionar a extraordinária verve retórica, proporcionaram a esta presença, desde logo, um lugar à parte, de proeminência, nesse encontro fecundo, tumultuado e, por vezes, até caótico, de idéias, tendências, interpretações, realizações e desempenhos, que constituíram a messe, hoje histórica, do teatro do fim dos anos de 1940 até o fim dos anos de 1960. O melhor testemunho, e que abona plenamente essa inserção e se faz hoje o seu melhor garante, é justamente o conjunto de ensaios e artigos que se encontram reunidos e voltam a propor, ao lado de seu valor histórico de documentos de época, o largo espectro de suas implicações no terreno do pensamento e da feitura da arte do teatro no Brasil. Editando-o na coleção Estudos, cuja vocação teatral é reconhecida, a autora e a editora Perspectiva são movidas pelo desejo de pôr ao alcance do leitor, que almeje ter uma informação profunda e contemporânea do que foi a nossa vida teatral de então, um livro cuja atualidade é não apenas de uma lição como também de uma visão da cena dramática brasileira de há pouco, mas não menos de agora.
--
ISBN: 9788527307239
Autor: Alessandra Vannucci (org.)
Páginas: 336
Coleção: ESTUDOS/E.211
Ano de publicação: 2005
Peso: 0,39 kg
Dimensões: 22,5 x 12,5 x 0 cm