"Deve-se queimar Roland Barthes?" Esta pergunta, que aparecia na cinta à volta de um de seus livros, revela um dos traços primordiais que envolveram a figura de Barthes: a polêmica. Com efeito, desde o seu aparecimento nas letras, o seu nome esteve no centro do debate contemporâneo de idéias no campo da filosofia, das artes, e sobretudo da literatura, tornando-se um dos mais notáveis paladinos da moderna crítica de base semiológica e estrutural, que toma a linguagem, em toda a sua riqueza expressiva, com um elemento fundante do fenômeno literário. Mas, nem por isso, deve-se confundi-lo com alguns dos ressequidos esquematizadores e redutores do papel da palavra como criação e significação nas letras, como a sua célebre defesa de "O Prazer do Texto" viria comprovar e como o leitor poderá verificar em várias de suas mais marcantes contribuições ensaísticas reunidas neste volume, que é um instrumento imprescindível de trabalho, tanto para quem se dedica à teoria literária quanto para os que estudam as comunicações e as ciências humanas em geral.
--
ISBN: 9788527302012
Autor: Roland Barthes
Páginas: 240
Tradutor: Leyla Perrone-Moisés
Coleção: DEBATES/D.024
Peso: 0,32 kg
Dimensões: 20,5 x 11,5 x 0 cm
CRÍTICA E VERDADE
R$49,50
Quantidade
CRÍTICA E VERDADE R$49,50

Conheça nossas opções de frete

"Deve-se queimar Roland Barthes?" Esta pergunta, que aparecia na cinta à volta de um de seus livros, revela um dos traços primordiais que envolveram a figura de Barthes: a polêmica. Com efeito, desde o seu aparecimento nas letras, o seu nome esteve no centro do debate contemporâneo de idéias no campo da filosofia, das artes, e sobretudo da literatura, tornando-se um dos mais notáveis paladinos da moderna crítica de base semiológica e estrutural, que toma a linguagem, em toda a sua riqueza expressiva, com um elemento fundante do fenômeno literário. Mas, nem por isso, deve-se confundi-lo com alguns dos ressequidos esquematizadores e redutores do papel da palavra como criação e significação nas letras, como a sua célebre defesa de "O Prazer do Texto" viria comprovar e como o leitor poderá verificar em várias de suas mais marcantes contribuições ensaísticas reunidas neste volume, que é um instrumento imprescindível de trabalho, tanto para quem se dedica à teoria literária quanto para os que estudam as comunicações e as ciências humanas em geral.
--
ISBN: 9788527302012
Autor: Roland Barthes
Páginas: 240
Tradutor: Leyla Perrone-Moisés
Coleção: DEBATES/D.024
Peso: 0,32 kg
Dimensões: 20,5 x 11,5 x 0 cm