Atenção: em razão do fim do ano, pedidos realizados a partir do dia 07/12 podem sofrer atrasos.
ENSAIOS
ISBN: 9788527304337
Descrição: A escolha dos textos destes Ensaios de Thomas Mann se deve a Anatol Rosenfeld. A pedido do editor ele o fez ainda na qualidade de membro do Conselho Editorial da Perspectiva. Mas a sugestão para publicar esta e outras coletâneas de prosa ensaística do grande romancista alemão vinha de longe. Isto porque Thomas Mann foi, sem dúvida, uma presença decisiva no pensamento de Rosenfeld, quer em termos de criação ficcional, quer de idéias e posições filosóficas e críticas. Este fato, entretanto, não é suficiente para explicar objetivamente a seleção feita, e João Alexandre Barbosa, tentando recapturar as suas motivações, vai encontrá-las, por via analítica, na ?articulação entre textos mais ambiciosamente teóricos..., meditação de ordem psicológica e cultural e, finalmente, a leitura de autores em que se misturam autobiografias, anotações estilísticas, memórias pessoais e literárias e erudição crítica?. E não se pode deixar de dar razão ao prefaciador. Este é o périplo que o autor da escolha convida o leitor a fazer no universo ensaístico do autor do Dr. Fausto, pois, como salienta João Alexandre Barbosa, trata-se de oferecer ao leitor brasileiro não apenas o Thomas Mann apolíneo dos grandes romances, mas também o dionisíaco das pequenas meditações e, ao mesmo tempo, o leitor do ?sofrimento e grandeza? daqueles autores que lhe alimentaram a reflexão e a imaginação.
Autor: Thomas Mann
Número de páginas: 188
Tradutor: Natan Robert Zins
Coleção: Textos 7
ENSAIOS
R$20,00
Esgotado
ENSAIOS R$20,00
ISBN: 9788527304337
Descrição: A escolha dos textos destes Ensaios de Thomas Mann se deve a Anatol Rosenfeld. A pedido do editor ele o fez ainda na qualidade de membro do Conselho Editorial da Perspectiva. Mas a sugestão para publicar esta e outras coletâneas de prosa ensaística do grande romancista alemão vinha de longe. Isto porque Thomas Mann foi, sem dúvida, uma presença decisiva no pensamento de Rosenfeld, quer em termos de criação ficcional, quer de idéias e posições filosóficas e críticas. Este fato, entretanto, não é suficiente para explicar objetivamente a seleção feita, e João Alexandre Barbosa, tentando recapturar as suas motivações, vai encontrá-las, por via analítica, na ?articulação entre textos mais ambiciosamente teóricos..., meditação de ordem psicológica e cultural e, finalmente, a leitura de autores em que se misturam autobiografias, anotações estilísticas, memórias pessoais e literárias e erudição crítica?. E não se pode deixar de dar razão ao prefaciador. Este é o périplo que o autor da escolha convida o leitor a fazer no universo ensaístico do autor do Dr. Fausto, pois, como salienta João Alexandre Barbosa, trata-se de oferecer ao leitor brasileiro não apenas o Thomas Mann apolíneo dos grandes romances, mas também o dionisíaco das pequenas meditações e, ao mesmo tempo, o leitor do ?sofrimento e grandeza? daqueles autores que lhe alimentaram a reflexão e a imaginação.
Autor: Thomas Mann
Número de páginas: 188
Tradutor: Natan Robert Zins
Coleção: Textos 7