Stanislávski escolheu "Um Mês no Campo", de Ivan Turguêniev, para aplicar pela primeira vez seu sistema, tendo em vista que o estudo psicológico minucioso orquestrado pelo dramaturgo e os elementos sociais que retratava tornavam-na a obra ideal para testar suas novas diretrizes. Na peça, a verdadeira ação e os conflitos acontecem no interior das personagens, daí a necessidade de descobrir a melhor maneira de desvendar e expor suas almas. A montagem, acompanhada pari passu neste estudo da pesquisadora e atriz Simone Shuba, foi um marco na trajetória do encenador russo.
No seu contexto, ideias e relações surgidas em trabalhos anteriores receberam um grande estímulo, levando a uma síntese sobre um problema vital da estética em geral e do teatro em particular: a relação entre a vida e a arte. A profundidade alcançada deu à estreia da peça, em 9 de dezembro de 1909, um lugar definitivo na história cultural e teatral de nosso tempo, realçando o papel de uma figura cujo trabalho artístico estava em constante devir, como expressa o título deste livro, Stanislávski em Processo, ou seja, na realização das grandes mudanças e descobertas que viriam a ser parte integrante da epopeia histórica do Teatro de Arte de Moscou.
[J. Guinsburg e L.H. Soares]

--

ISBN: 9788527310468
Autor: Simone Shuba
Número de páginas: 136
Coleção: Macunaíma no palco 6
Dimensões: 14 cm x 21 cm
Peso: 0,210kg
STANISLÁVSKI EM PROCESSO
R$35,00
Quantidade
STANISLÁVSKI EM PROCESSO R$35,00

Conheça nossas opções de frete

Stanislávski escolheu "Um Mês no Campo", de Ivan Turguêniev, para aplicar pela primeira vez seu sistema, tendo em vista que o estudo psicológico minucioso orquestrado pelo dramaturgo e os elementos sociais que retratava tornavam-na a obra ideal para testar suas novas diretrizes. Na peça, a verdadeira ação e os conflitos acontecem no interior das personagens, daí a necessidade de descobrir a melhor maneira de desvendar e expor suas almas. A montagem, acompanhada pari passu neste estudo da pesquisadora e atriz Simone Shuba, foi um marco na trajetória do encenador russo.
No seu contexto, ideias e relações surgidas em trabalhos anteriores receberam um grande estímulo, levando a uma síntese sobre um problema vital da estética em geral e do teatro em particular: a relação entre a vida e a arte. A profundidade alcançada deu à estreia da peça, em 9 de dezembro de 1909, um lugar definitivo na história cultural e teatral de nosso tempo, realçando o papel de uma figura cujo trabalho artístico estava em constante devir, como expressa o título deste livro, Stanislávski em Processo, ou seja, na realização das grandes mudanças e descobertas que viriam a ser parte integrante da epopeia histórica do Teatro de Arte de Moscou.
[J. Guinsburg e L.H. Soares]

--

ISBN: 9788527310468
Autor: Simone Shuba
Número de páginas: 136
Coleção: Macunaíma no palco 6
Dimensões: 14 cm x 21 cm
Peso: 0,210kg