Desde o final do século XX o urbanismo tenta responder aos problemas levantados pela introdução maciça da máquina nos agrupamentos urbanos, tentando reorganizá-los através de modelos estabelecidos aprioristicamente, que ora privilegiam o rendimento (o modelo racionalista), ora a tradição, ora a reintegração da cidade ao campo. Utópicas, essas matrizes levaram a sucessivos fracassos – e, no entanto continuam a ser amplamente utilizadas. Revendo a obra de 37 autores, Choay busca um urbanismo menos teórico e mais humano.
ISBN: 9788527301633
Autor: Françoise Choay
Páginas: 360
Tradutor: Dafne Nascimento Rodrigues
Coleção: ESTUDOS/E.067

Peso: 0,4 kg
Dimensões: 22,5 x 12,5 x 2 cm
URBANISMO, O
R$69,90
Esgotado
URBANISMO, O R$69,90

Desde o final do século XX o urbanismo tenta responder aos problemas levantados pela introdução maciça da máquina nos agrupamentos urbanos, tentando reorganizá-los através de modelos estabelecidos aprioristicamente, que ora privilegiam o rendimento (o modelo racionalista), ora a tradição, ora a reintegração da cidade ao campo. Utópicas, essas matrizes levaram a sucessivos fracassos – e, no entanto continuam a ser amplamente utilizadas. Revendo a obra de 37 autores, Choay busca um urbanismo menos teórico e mais humano.
ISBN: 9788527301633
Autor: Françoise Choay
Páginas: 360
Tradutor: Dafne Nascimento Rodrigues
Coleção: ESTUDOS/E.067

Peso: 0,4 kg
Dimensões: 22,5 x 12,5 x 2 cm